Temas Atuais

3 mitos sobre o uso de psicofármacos em idosos

O uso racional de medicamentos, ou seja, uma prescrição coerente, consciente e adequada,  deve ser estimulado, principalmente na população idosa. Sabe-se que a indicação de fármaco em idosos pode ser necessária para melhora de sintomas e da qualidade de vida, além de diminuir a prevalência e risco tanto em relação aos transtornos mentais quanto a doenças clínicas como hipertensão arterial, cardiopatias e diabetes. Confira o texto completo escrito pela psiquiatra Cláudia Muñoz (CRM 30457) da equipe CEFI Contextus em: http://terapiascontextuais.com.br/3-orientacoes-sobre-psicofarmacos-em-idosos/